Quinta-feira, 16 de Fevereiro de 2012
Pensamentos de Finalista.

Não minto. Ser finalista do secundário tem um sabor diferente de ser finalista do básico (que nem um mísero jantar de turma tive direito). Ganha-se uma maturidade diferente. Crescemos, enfim. Vemos com outros olhos as aulas e somos mais racionais quanto às perspectivas do futuro (claro que há sempre quem prime pela diferença e continue na sua atitude i-don't-care-about-it). Somos o exemplo para os mais novos que nos olham com admiração para os livros. Admiram a nossa independência. Afinal, o 12º ano tem sempre aquele toque de fascínio em que o horário é minimalista e as disciplinas reduzem-se ao indispensável. Porém, dá uma dor de cabeça dos diabos. Não falo da questão da viagem de finalistas que à muito já está planeada pela associação de estudantes lá da escola nem com o baile de finalistas organizado pelos professores. Prende-se na nostalgia que se sente no ar por se ver que o caminho de três anos realizado com a turma está preste a terminar. Sem pensar, já nos questionámos se manteremos contacto com x ou com y. Questionámos como será o próximo ano sem as caras conhecidas e se nos iremos adaptar fora da nossa área de conforto. Perguntámo-nos se é aquele curso queremos realmente ou se a hipótese do curso do x ou do y  não será de igual modo atraente. Aí, a linha de raciocínio torna-se menos objectiva. Damos connosco a fazer suposições mirabolantes e estupidamente sem sentido. Apostámos por uma postura mais fria, racional das coisas a partir desse momento. Vamos direitos ao cerne do problema: as amizades. Questionámos se as amizades irão sobreviver à distancia física que possivelmente acontecerá. Questionámos se eles irão lembrar-se de nós anos mais tarde com a mesma saudade como nós deles. Perguntámo-nos se fizemos tudo o que queríamos, se marcamos o nosso lugar, se nos arrependemos das nossas decisões pois tudo se resumirá a um ponto: temos medo de ser esquecidos!



copodeleite às 22:15
link | |

(7):
De s. a 17 de Fevereiro de 2012 às 14:13
Mesmo! Eu não festejo mas a ausência de aulas sabe pelo melhor.


De s. a 17 de Fevereiro de 2012 às 14:04
Exato. É a distancia que me assusta.


De s. a 17 de Fevereiro de 2012 às 13:48
Somos duas...


De Autumn a 17 de Fevereiro de 2012 às 12:56
o vídeo só estreou ontem, por isso, é provável que ainda não tivesses visto. xD


De Inêsquecível a 17 de Fevereiro de 2012 às 12:09
finalmente um post que precisava de ler! Estou no 12º ano, e sempre quis sentir isso, mas sinto-me igual! Agora é isto, trabalhos e exames uma loucura! E mais, andar à procura de um curso, outra loucura!
Gostei muito do post!


De s. a 16 de Fevereiro de 2012 às 22:42
concordo tanto com isto. favoritei. ainda ontem pensei nestas coisas...


De G a 16 de Fevereiro de 2012 às 22:20
as amizades verdadeiras nunca se perdem :)


Comentar post

Encontras...

Créditos

Formspring

Perfil

Visitas
Free Web Hit Counter