Segunda-feira, 2 de Janeiro de 2012
Livros.
Ler é o meu passatempo. Sentada à janela onde o frio da madrugada surpreende as pernas desnudas na esperança de que sejam resguardas dos olhares dos trabalhadores. Pouco me importo, estou no meu mundo. Num mundo de palavras elegantes misturadas com o calão grotesco dos mais infortunados, de tramas e diz-que-não-disse. Os romances são evitados mas é inevitável não me cruzar com eles. O amor cruel e doloroso, as personagens nem boas nem más, fáceis de serem vistas no mundo palpável, cenários reais e macabros, são os ingredientes dos meus livros. Por vezes, sonho de olhos na paisagem da minha janela histórias. Crio personagens e diálogos. Finais cruéis e idílicos. Riu-me da minha idiotice! Mas não deixo de parte o sonho de um dia colocar no papel as minhas deambulações. Até lá delicio-me com estes:
  1. Guerra e Paz, Lev Tolstoi
  2. Lolita, Vladimir Nabokov
  3. Orgulho e Preconceito, Jane Austen
  4. O Senhor dos Anéis, J.R.R. Tolkien
  5. A Idade da Inocência, Edith Wharton
  6. Marina, Carlos Ruiz Zafón
  7. Os Homens Que Odeiam as Mulheres - volume I, Stieg Larsson
  8. A Rapariga Que Sonhava com uma Lata de Gasolina e Um Fósforo - volume II, Stieg Larsson
  9. A Rainha no Palácio das Correntes de Ar - volume III, Stieg Larsson
  10. A Solidão dos Números Primos, Paolo Giordano
  11. A Filha do Capitão, José Rodrigues dos Santos
  12. A Vida num Sopro, José Rodrigues dos Santos
  13. A Mãe, Pearl S. Buck
  14. Eragon, Christopher Paolini
  15. Eldest, Christopher Paolini
  16. Brisingir, Christopher Paolini
  17. Herança, Christopher Paolini
  18. Emma, Jane Austen
  19. O Monte dos Vendavais, Emily Brontë
  20. O Sétimo Selo, José Rodrigues dos Santo
  21. A Rapariga Que Roubava Livros, Markus Zusak
  22. Os Maias, Eça de Queirós
  23. A Sombra do Vento, Carlos Ruiz Zafón
  24. O Retrato de Dorian Gray, Oscar Wilde
  25. Um crime no expresso do Oriente, Agatha Christie
  26. Uma questão de escolha, Nora Roberts
  27. História de uma cidade, Debbie Macomber
  28. Inês da minha Alma, Isabel Allende
  29. Memorial do Convento, José Saramago
  30. O Filho Eterno, Cristovão Tezza
  31. Carlos ruiz zafón, o jogo do anjo

recortes:

copodeleite às 18:45
link | |

(29):
De ... a 7 de Janeiro de 2012 às 21:31
Porque escreves maravilhosamente bem.


De a rapariga que permanece anónima a 7 de Janeiro de 2012 às 18:01
Eu vi opiniões aqui nos blogs e decidi ler.


De a rapariga que permanece anónima a 7 de Janeiro de 2012 às 16:02
Lolita.


De a rapariga que permanece anónima a 7 de Janeiro de 2012 às 15:42
Dessa lista li os livros referidos nos pontos 2, 3, 5, 19, 21, 25 e estou a ler o 29.


De anne sophie a 7 de Janeiro de 2012 às 13:55
Sabes, não me estou a dar nada bem com o Memorial, não me cativa nada! Leio-o porque é leitura obrigatória este ano, senão... Beijinho


De тιago a 5 de Janeiro de 2012 às 22:35
já vi que sim, eu também acabo por gostar de quase tudo (:


De Teresa Isabel Silva a 5 de Janeiro de 2012 às 10:53
Não gostei do Emma, achei-o muito chato... Mas tenho colegas minhas que gostaram...

Bjxxx


De Jessie Bell a 4 de Janeiro de 2012 às 23:09
Já publiquei o capítulo 12


De Jessie Bell a 4 de Janeiro de 2012 às 22:40
Já te disse que não se dizem asneiras! Eu não gosto de ninguém. Sou egoísta e só gosto de mim mesma!


De funeraire. a 4 de Janeiro de 2012 às 22:35
Partilho do mesmo gosto pela leitura. Adoro, amo ler. Se conseguir manter-me acordada, passo a noite toda a ler, mesmo que tenha aulas no dia seguinte. Não resisti a favoritar, o texto está sublime e tocou-me muito.
Oh, tens um óptimo gosto literário (:
Obrigada (:


Comentar post

Encontras...

Créditos

Formspring

Perfil

Visitas
Free Web Hit Counter